Não quero terminar sem deixar uma referência ao simbolismo da localização.

Era por ali, pela azinhaga que ligava a primeira Secção dos Pupilos do Exército na Travessa de S. Domingos de Benfica à Estrada de Benfica 374, que o batalhão escolar passava em formatura quatro vezes por dia a caminho das aulas no edifício da segunda secção.

Um local que se identifica connosco e marca as nossas memórias.